terça-feira, 4 de outubro de 2016

BOTÂNICA - SCIENTIA AMABILIS

TERCEIRO  TRIMESTRE


INTRODUÇÃO A BOTÂNICA

A Botânica 

BOTÂNICA ou Fitologia (Phytologia do grego: φυτεύωv = planta) é a parte da biologia que estuda a vida das plantas.
A palavra Botânica vem do grego: botané, que significa "planta ou erva (medicinal)".
Muitas vezes a Botânica é também chamada de Biologia Vegetal ou Ciência das Plantas (Plant science). 
A Botânica abrange uma ampla gama de disciplinas científicas preocupadas com o estudo das plantas, algas e fungos, incluindo a classificação, o desenvolvimento, reprodução, a estrutura, o desenvolvimento, a adaptação, evolução além das doenças das plantas. 
Embora os fungos e as algas sejam estudados pela botânica esses organismos não pertencem ao reio Metafita (Plantae).


CARACTERÍTICAS GERAIS DOS VEGETAIS 
REINO METÁFITA (EMBRIÓFITAS)

1) As plantas são organismos vivos eucariotos, multicelulares, de cor verde, clorofilados, (apresentam Clorofila A ou B e beta caroteno).

2) São seres vivos fotossintetizantes (por possuírem cloroplasto: organela membranosa produtora de clorofila).

3) Apresentam METAGÊNESE ou ALTERNÂNCIA DE GERAÇÕES: onde se alternam a reprodução sexuada (esporofítica) e assexuada (gametofítica) como fases distintas de seu desenvolvimento ou ciclo de vida.


FASE GAMETOFÍTICA - onde são produzidos os gametas (ANTEROZÓIDE e OOSFERA)
FASE ESPOROFÍTICA - onde os gametas ao se fundirem originam o ESPORÓFITO.
4) São organismos adaptados a vida em terra firme, embora algumas possam viver na água.

5) As plantas são capazes, através da fotossíntese, de usarem a luz do sol, água, sais minerais e o gás carbônico da atmosfera e convertê-lo em oxigênio e glicose (um carboidrato simples), i.e., elas produzem seu próprio alimento, sendo portanto autotróficas.
 
6) São também chamadas de Embriófitas, por possuírem embriões pluricelulares (maciços sem cavidades),  envolvidos por tecido de origem materna (retidos no gametófito feminino, onde são protegidos e alimentados).


7) Apresentam MATROTROFIA, i.e., o embrião dos METAFITA é retido e nutrido pelo organismo materno, o que os diferenciam das algas (TALÓFITAS), e esta característica é uma vantagem adaptativa para a vida em terra (fora da água, lembre-se que as plantas terrestres evoluíram das algas Carófitas (algas verdes)).
Esta característica juntamente com a anterior é a APOMORFIA DO REINO METÁFITA (Embriófita)
Todas os organismos que apresentam as características acima pertencerem ao reino METAPHYTA ou Metafita (Plantae).


REINO METÁFITA 
O reino METÁTIFA pode ser dividido em dois grupos informais :

Grupo das plantas avasculares (sem vasos condutores de seiva: BRIÓFITAS)
Grupo das plantas vasculares (com vasos condutores de seiva: TRAQUEÓFITAS).
As plantas traqueófitas (vasculares) são divididas em:

plantas sem sementes (Criptógamas) e
plantas com sementes (Espermatófitas)
As plantas Espermatófitas podem ser divididas por sua vez em:

Plantas com semente nua (Gimnospermas) e
Plantas com flores e frutos (Angiospermas). 

0 comentários:

Postar um comentário